• IPACRI

vencendo as crises

A crise é algo natural em todas as áreas da nossa vida. No dicionário, podemos encontrar algumas definições para essa palavra: Manifestação aguda de uma doença; manifestação violenta, repentina ou breve; conjuntura socioeconômica problemática; tensão ou situação conflituosa; momento difícil.

Apesar dessa palavra estar ligada à situações ruins, podemos enxergar a crise como um ponto de partida para um recomeço. Ela pode nos dar a chance de enxergar os erros cometidos. Na economia, por exemplo, podemos encontrar novos caminhos e novas oportunidades de investimento.

Nos relacionamentos não é diferente, a crise vem. Pode ser resultado de fatores internos, como diferença de temperamento ou dificuldade de comunicação, ou também resultado de fatores externos, interferência de terceiros, dificuldades financeiras, etc.

O Próprio Jesus nos alertou sobre crises e dificuldades: "Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo". João 16:33

A chegada da crise é inevitável. Quando casais relatam que nunca passaram por situações difíceis no relacionamento, fica até difícil acreditar. A grande questão não é a crise acontecer, mas sim, como sair dela.

Vivemos em um tempo onde nossa cultura nos diz que, quando a crise chegar no relacionamento, o melhor que se tem a fazer é acabar, terminar ou separar. A sociedade tem métodos e palavras de incentivo para sair da crise que acontece nas outras áreas da nossa vida, mas no relacionamento não. “Para que se desgastar?”, “Se existe crise, não vale a pena mais investir” e “Se você não está feliz, já chegou ao fim”.

Essa cultura vai na contramão do que o evangelho nos ensina. Cristo nos reconciliou com Deus, o modelo de relacionamento que temos é de de paciência, misericórdia, compaixão, perdão e reconstrução.

O verso de João 16:33 deve ser aplicado em nossos relacionamentos. Ter bom ânimo é ter coragem e esperança, tendo certeza que Jesus já venceu todas as coisas por nós. Não existe crise que já não tenha sido vencida por Ele. Quando desistimos dos nossos relacionamentos por alguma situação difícil estamos negando a vitória de Jesus. O plano de Deus sempre será a reconciliação, seja em quaisquer circunstâncias.

Se você está passando por uma crise, ao ler este texto, provavelmente seu pensamento será: você fala isso pois não sabe o que estou vivendo no meu relacionamento. Mas eu te respondo: Falo isso pois conheço o poder do meu Deus, e sei que não existe nada impossível para Ele!

A crise chega, de diferentes formas e em diferentes intensidades. O importante é saber sair dessa crise, seja de que tamanho ela for, leve o tempo que levar. Tem coisas que levam mais tempo para serem ajustadas, gastam mais energia e dispensam mais a nossa atenção. Isso é normal. O importante é sabermos que demore o tempo que for, vai passar e sairemos mais fortes se perseverarmos.

Em momentos de crise, devemos orar, entregarmos tudo ao único que é capaz de resolver todas as coisas. É necessário rever nossas condutas, examinarmos nossas atitudes à luz da bíblia, que é o nosso manual prático de vida, e mudarmos aquilo que está errado.

Na hora da crise, é necessário pedir auxilio de pessoas que já passaram por situações parecidas com a nossa e conseguiram superar. Não se aconselhe com pessoas que desistiram!

O Salmo 51 nos diz que Deus não desprezará um coração quebrantado e contrito. Quando estamos passando por uma crise, a tendência da nossa natureza pecaminosa é fecharmos o nosso coração, endurecendo nossos sentimentos no orgulho. Mas, o que Deus requer de nós nesse momento é um coração maleável, disposto a renunciar, a pedir perdão e a mudar.

Que em momentos de crise, você possa se abrir para a ação de Deus. Que haja reconciliação e conserto.